Notícias CROSC

CRO-SC e Vigilância Sanitária da Capital debatem termo de cooperação para combater ilegalidades na odontologia

Um termo de cooperação e ações conjuntas foi debatido ontem (08) entre o CRO-SC e a Vigilância Sanitária de Florianópolis. A iniciativa foi definida como de grande importância para a odontologia, por representar a ampliação da fiscalização de irregularidades e apuração de denúncias de ilegalidades no exercício da profissão de cirurgião-dentista. “Com isso, será possível atender de forma ainda mais célere as denúncias recebidas”, antecipou a presidente do CRO-SC, Sandra Silvestre.

Participaram da reunião o Conselheiro secretário do CRO-SC Wilson Andriani Jr, a procuradora do Conselho Dulcianne Beckhauser Borchardt, a gerente de Fiscalização Larissa Cassini e a agente fiscal Raquel Brito da Silveira. Da Vigilância Sanitária estavam presentes a diretora Priscilla Valler dos Santos e a gerente de fiscalização Fernanda de Mendonça.

“É buscando de forma incansável a punição das ilegalidades que defenderemos o exercício profissional ético na observância das normas que regem a nossa profissão”, comentou Wilson Andriani Jr ao considerar a parceria mais uma ação atenta e responsável do CRO-SC em benefício da classe odontológica.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com outros Colegas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin