Notícias CROSC

Centro de Vigilância Sanitária publica Alerta Terapêutico em Farmacovigilância nº 02/2013

O Núcleo de Farmacovigilância do Centro de Vigilância Sanitária (NFV/CVS) publicou por meio do Comunicado 57 de 02/10/2013, o “ALERTA TERAPÊUTICO EM FARMACOVIGILÂNCIA: Bisfosfonatos – Risco de Osteonecrose de Mandíbula

PÚBLICO-ALVO: Médicos Prescritores, Cirurgiões-Dentistas, Farmacêuticos

ASSUNTO: O CVS identificou uma importante proporção de reações adversas relacionadas ao sistema músculo-esquelético, em especial a osteonecrose de mandíbula. Assim, o CVS alerta para que os prescritores tenham cautela ao prescrever o medicamento, e para que os outros profissionais de saúde estejam aptos a identificar a osteonecrose de mandíbula como um evento adverso associado ao uso dos bisfosfonatos.

CENÁRIO: A aplicação parenteral, a potência do medicamento, o acúmulo de dose, tratamentos concomitantes, morbidades associadas e histórico de doenças odontológicas são fatores de risco para o aparecimento destas reações. Os bisfosfonatos registrados no país incluem alendronato, ácido clodrônico, ibandronato, risedronato, pamidronato e ácido zoledrônico.

RECOMENDAÇÕES: O emprego de fármacos para a osteoporose deve ser reservado a pacientes com a doença confirmada e alto risco para fratura, e deve-se ponderar se o uso por mais de três anos é justificável e necessário.Verifique se seu paciente apresenta fatores de risco antes de iniciar o tratamento. Caso o paciente tenha dor e suspeita de necrose na região mandibular, considere a possibilidade de um evento adverso associado ao uso de bisfosfonatos.

Para ler o texto na íntegra, acesse: http://www.cvs.saude.sp.gov.br/up/ALERTA%20TERAPÊUTICO%2011%20Bisfosfonatos.pdf

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com outros Colegas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin