Notícias CROSC

Conselhos de Odontologia fortalecem pesquisa sobre situação da saúde bucal brasileira

O CRO-SC apoia o Conselho Federal de Odontologia (CFO), para fortalecer a construção do 5º levantamento epidemiológico em saúde bucal, “SB Brasil 2020”, realizado pelo Ministério da Saúde. A participação popular garantirá o aprimoramento das políticas públicas em saúde bucal, via consulta pública, até 17 de janeiro. A pesquisa subsidia a gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) por meio de dados para o planejamento de políticas e programas de promoção, prevenção e assistência em saúde bucal, nas esferas nacional, estaduais e municipais.

O SB Brasil é realizado a cada 10 anos e tem como objetivo identificar as doenças mais prevalentes como cárie dentária, doenças periodontais, necessidade de próteses dentárias, condições da oclusão, traumatismo dentário e impacto das condições de saúde bucal na qualidade de vida, entre outros aspectos. A pesquisa também será validada por meio de exames bucais realizados nos domicílios, com aplicação de questionário para avaliar a prevalência e os principais agravos bucais, assim como fatores relacionados à situação socioeconômica, acesso a serviços odontológicos e percepção de saúde.

A expectativa é que aproximadamente 30 mil brasileiros sejam examinados em seus domicílios. A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi eleita como instituição executora do levantamento epidemiológico, articulada à Coordenação Geral de Saúde bucal da Secretaria de Atenção Primária à Saúde (CGSB/Saps). O objetivo desta consulta pública é apropriar-se dos comentários nela inseridos, com a finalidade de aprimorar o SB 2020.

Além disso, a 5ª edição do SB Brasil prevê alcançar cidadãos de capitais de todos os estados, no Distrito Federal e em cinco municípios do interior das regiões do Brasil, qualificando assim, o programa Brasil Sorridente: verificar tendências, planejar e avaliar os serviços de saúde no SUS.

Para o Presidente do CFO, Juliano do Vale, a informação é o principal instrumento de luta neste importante momento de formulação e aperfeiçoamento das políticas públicas voltadas para a próxima década no país. “Como forte aliado nessa trajetória evolutiva da assistência odontológica na rede pública de saúde, o Sistema Conselhos se compromete com o compartilhamento das informações nos estados, aos profissionais da Odontologia e à população, por meio dos canais de comunicação disponíveis. A participação popular é fundamental nesse processo. Lembrando que o prazo final encerra dia 17 de janeiro”, explicou.

CLIQUE AQUI e participe do SB Brasil 2020.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com outros Colegas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin