Notícias CROSC

Estudo do CFO auxiliará trabalho da ANS no combate às glosas Odontológicas

O estudo do Conselho Federal de Odontologia (CFO) para evidenciar falhas e discrepâncias das glosas odontológicas, em desenvolvimento, vai integrar o rol de propostas para aprimoramento da tabela sobre glosas, na Agência Nacional de Saúde Suplementar. A demanda para esse aperfeiçoamento partiu do Grupo Técnico de Conteúdo e Estrutura, do Comitê de Padronização das Informações em Saúde Suplementar (COPISS), na última quinta-feira, 26 de setembro, no Rio de Janeiro.

A iniciativa do CFO surgiu a partir do crescimento indiscriminado de glosas odontológicas, apontadas por Cirurgiões-Dentistas de todo o Brasil. O estudo do CFO é elaborado por meio de dados enviados pela categoria que prestam serviço nas operadoras de planos e servirá para aprimoramento da Tabela de Domínio 38, da Troca de Informação de Saúde Suplementar (TISS). Esta tabela da ANS trata dos códigos e mensagens de glosas, administrativas ou técnicas, e recursos de glosas, trocadas entre prestadores e operadoras.

O representante do CFO na ANS, Cleso André Guimarães Junior, destaca o empenho da Autarquia no combate às glosas. “Tendo em vista as pautas da ANS e o cenário nacional, com inúmeras queixas por parte dos profissionais de todo o país, o Conselho prioriza esse estudo para subsidiar os grupos de trabalho que atuam no aprimoramento da Odontologia Suplementar.”

A reunião ainda discutiu assuntos relacionados ao Demonstrativo de Pagamento entre operadoras e prestadores. A sugestão é que sejam discriminados no documento os pagamentos por Guia de Tratamento Odontológico (GTO), especificando todos os valores e indicando se o pagamento é inicial ou de recurso, facilitando o entendimento e a conferência por parte dos profissionais que atuam na Odontologia Suplementar.

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com outros Colegas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin